Segunda-feira, 3 de Dezembro de 2007

Vou por ali...porque ouço risos













Julguei-te meu
Errei no meu julgar
Pensei ser eu
A tua criadora
No entanto
A minha arte não alcançou
A perfeição desejada
Escarneceste do meu fervor
Desprezaste o meu amor
Foste o meu fracasso
És a minha dor
A mágoa que se perpetuará em mim
Foram vãs as esperanças
De te ver seguir por caminhos de luz
Perdi-me talvez algures
Na tua orientação
Falhei de todas as formas
...

Sou surpreendida
Pela a ausência de fúria em mim
Deparo-me com uma calmaria
Triste e dolorosa
Desconheço-me...
Mas deixo-me ir
Porque sei que algures
Por esta estrada de dor
Vou encontrar a curva que me irá levar
A outro trilho
Vou encontrar a flor
Que me dará nova cor
Encontrar a luz
Que me devolverá o esplendor
...
Fecho esta porta
(No entanto, sem a trancar...)



Ali, naquela mais adiante...
Ouço risos...!
Vou por ali....
Quem sabe um dia
Virás atrás de mim
Quem sabe um dia
Voltarei a rir-me contigo
Por agora
Vou por ali
Porque ouço risos
...
estou....: resignada...ou nem por isso...
tags:

publicado por Á flor da pele às 22:56
link do post | deixa um reflexo de ti | favorito
 O que é? |  O que é? | partilhar
22 comentários:
De Márcia a 4 de Dezembro de 2007 às 13:21
Numa palavra:

*l*i*n*d*o*


Beijinhos


De sendyourlove a 5 de Dezembro de 2007 às 09:17
uma decisão mais que sensata, ponderada, madura...
resignada? parece-me bem que não.
Beijos gordos e doces...e um abraço muito apertado


De Marta Teixeira a 6 de Dezembro de 2007 às 13:41
Há sempre essa esperança...pode acontecer novamente....mas voltar a rir com esse alguém ou com alguém novo é importante...
Além do riso, a luz também não deve faltar...
Lindo texto...Adorei....
Beijos e abraços
Marta


De Brain a 6 de Dezembro de 2007 às 18:44
Dura leitura,
Para quem "também" é pai.

São as palavras,
Que embora belas na sua forma,
Nunca nenhum pai as quererá proferir no seu conteúdo.

Apenas de deixo,
Um abraço de solidariedade,
E um beijo,
Para um qualquer possível,
Reconforto.


De Fê_Notável a 9 de Dezembro de 2007 às 23:52
"Quem sabe um dia
Virás atrás de mim
Quem sabe um dia
Voltarei a rir-me contigo
Por agora
Vou por ali
Porque ouço risos"

Lindo... lindo, lindo! Admiro-te!!! =)

Também estou resignada!
Beijokas


De Daniel Aladiah a 11 de Dezembro de 2007 às 00:33
Querida Rosa Maria
E fazes bem... há sempre outros caminhos e risos para lá das curvas. Terás o discernimento de ver...
Festas felizes!
Um beijo
Daniel


De Amaral a 12 de Dezembro de 2007 às 00:23
Uma porta fechada, mas apenas levemente, para que outra luz nela possa penetrar...
O "erro" nem será erro, ainda que consciente. Para cada atitude, uma razão que ultrapassa por vezes os limites do pensamento, falhada apenas no seu objectivo.
Vais encontrar na curva do caminho os porquês do desconhecido que só uma nova flor dará o esplendor merecido...
Torna ao teu sorriso!
Atrás de ti ficou o que apenas não podes mudar!


De Sindarin a 12 de Dezembro de 2007 às 11:14
Olá e k melhor razão pode ser a de ouvir sorrisos para nos dispor-mos a segui-los com emoção. Gostei mto. Deixo-te um beijo meigo.


De Jorge a 15 de Dezembro de 2007 às 00:16
Belo poema!
Quem sabe, um dia, venha a ter um final feliz!

Um beijo

Jorge

http://vagabundices.wordpress.com/



De Cöllyßry a 22 de Dezembro de 2007 às 15:45
Que a Harmonia neste Natal desça sobre ti
Em forma de chuva de pétalas.

Doce beijo


Comentar post

Assim sou eu...

Aceitem-me como eu sou ... tentarei fazer todos felizes ... Exijam mais do que posso dar... e afastar-me-ei ...

Maio 2016

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30
31


Sentimentos recentes

Meditando

Estilhaços...

O silêncio

Raio de sol

Edição do meu segundo liv...

Hoje... e depois amanhã

Fragmentos

Eram gardénias, Senhor...

O meu primeiro livro

Mariana

arquivos

Maio 2016

Novembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Maio 2013

Fevereiro 2013

Dezembro 2012

Agosto 2012

Março 2011

Novembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Maio 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

tags

todas as tags

favoritos

Fragmentos

links

pesquisar

 
blogs SAPO

subscrever feeds